LORIGA

Nasci numa pequena terra chamada Loriga, situada a 770 m de altitude na Beira alta ao meio da maravilhosa e luzente Serra da Estrela. É uma localidade muito pitoresca, situada num vale e circundada de montanhas que encantam os nossos olhos pela a sua beleza tanto ela é rara: coberta de pinheiros, salpicada de castanheiros, mimosas, giestas, urzes e outras plantas serranas. Uma fauna e flora espectaculares!

terça-feira, 8 de setembro de 2009

Ultramar

Ultramar,guerra colonial , "a Guerra suja"

http://oprimodopedronaguerradeultramar.blogspot.com/
http://ultramar.terraweb.biz/05AAmocambique.htm
Memórias de Casais de Revelos

Navio Niassa em partida para Moçambique, 1968 levando as tropas.

Finisterra
O Niassa
Fotos com historia

João (meu tio e irmão de meu pai) na tropa em Moçambique


Brasão de Loriga, uma carta-postal desenhada e enviada por o meu tio João, quando estava em Moçambique,( Nordeste Moçambique Ribáuè 07 setembro 1969. PROVINCIA Nampula)

"Foi um invento meu para localização da minha chegada a Lisboa no dia onze de Outubro de 1969
Este brasão foi pintado a cores de esferográficas
Por mim mesmo." João da Silva Pinto

Esta bandeira foi costurada e feita pela minha mãe, as letras foram desenhadas pelo seu irmão José.
Serviu para marcar o regresso do João a Portugal (entre 1968 e 1970), permaneceu na tropa em Moçambique mais de 2 anos.
Esta bandeira serviu como um ponto de encontro no cais junto ao Terreiro do Paço, após a ancoragem do navio carregado com os soldados retornados da "guerra suja" do Ultramar (como era chamado na época) .
Estavam presentes a minha mãe, o meu avô paterno Joaquim, meu irmão Jorge e eu, nessa altura o meu pai estava na França.
Nesse dia, a minha mãe apanhou um grande susto. Ainda era pequenina e meti-me a brincar de roda do meu avô, com aquela imprudência infantil ia caindo no rio Tejo!

Sem comentários: